Cmara aprova projeto que convalida incentivos fiscais dos estados - Alice Portugal
Twitter Facebook Rss Nosso Canal de Vídeos no Youtube

Cmara aprova projeto que convalida incentivos fiscais dos estados

Notícia Postada em 02/06/2017 as 15:40:29 hs
por: Ascom
O PCdoB votou favorável ao PLP 54/15
 
 
Líder Alice Portugal recebe o governador da Bahia, Rui Costa, para tratar do projeto e de demandas do estado
Foto: Richard Silva/PCdoB na Câmara
 
 
 
O Plenário da Câmara aprovou na noite desta quarta-feira (31), por 405 votos a 28, o Projeto de Lei Complementar (PLP) 54/15 que convalida isenções concedidas no âmbito da guerra fiscal entre os estados e propõe uma transição para essas isenções, com prazos que variam de 1 a 15 anos de vigência. A matéria retornará ao Senado devido às mudanças do substitutivo do deputado Alexandre Baldy (Pode-GO).
 
Antes da votação, o relator fez uma complementação de voto excluindo dois dispositivos que provocavam a redução gradativa de alguns tipos de incentivos ao longo do tempo de sua vigência prorrogada. Para o deputado Daniel Almeida (BA), que votou em nome do PCdoB, a grande questão é estabelecer segurança jurídica aos estados.  “Gostaríamos de ter votado aqui o projeto do Senado, que nos pareceu mais adequado. Mas o essencial é fazer a convalidação, é ratificar os acordos e as leis que foram feitas nos estados e que têm produzido bons resultados”, ressalta o parlamentar.   
 
A guerra fiscal é caracterizada pela concessão de incentivos fiscais e tributários para estimular empresas de outros estados a se instalar no território que concede o benefício, sem o apoio dos outros governos estaduais. Entretanto, a Lei Complementar 24/75, que criou o Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), prevê que as decisões sobre concessão de incentivos devem ser unânimes. O conselho reúne todos os secretários de Fazenda estaduais e do Distrito Federal.
 
Como o caso está para ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o projeto procura regulamentar o tema e permite que um convênio do Confaz perdoe os créditos exigíveis decorrentes das isenções de ICMS concedidas, prorrogando-as por períodos que variam de acordo com o setor da economia.
 
Reduções excluídas
 
Com a complementação de voto, foram retiradas do texto as reduções de incentivos para investimento em infraestrutura rodoviária, aquaviária, ferroviária, portuária, aeroportuária e de transporte urbano, que seria de 5% por ano do 1º ao 10º ano e, depois, em 8% ao ano do 11º ao 15º ano, em um total de 90%.
 
Também foi retirada a redução, quanto às atividades agropecuárias e industriais, inclusive agroindustriais, de 1% ao ano nos primeiros dez anos. Nos outros cinco anos de vigência, seriam 15% ao ano, totalizando 85% de redução.
 
Fonte: PCdoB na Câmara
 

Mais Notcias

AGENDA

Contatos

Gabinete em Braslia-DF
Cmara dos Deputados - Anexo IV - Gab 420 - CEP 70160-900
Fones: (61) 3215-5420 / (61) 3215-3420 -
Fax (61) 3215-2420

Escritrio Poltico em Salvador-BA
Avenida Anita Garibaldi
Edifcio Ernesto Weckerle, n 1279, Sala 302.
Federao - Salvador Bahia - CEP 40210-750
Fone: (71) 3331-5792 / Fax (71) 3237-5294
imprensa.aliceportugal@gmail.com